Terça, 20 de Outubro de 2020
86994186882
Política Jacinta Andrade

Gilvana garante que cestas foram entregues para associações

Diretora Gilvana Gayoso informa que cestas de alimentos teriam sido distribuídas através de associações de moradores

04/08/2020 07h43 Atualizada há 3 meses
Por: Carol Rodrigues
Foto: GP1
Foto: GP1

A diretora da ADH (Agência de Desenvolvimento da Habitação), Gilvana Gayoso, encaminhou Nota de Esclarecimento para nossa Redação acerca de denúncia feita pelo líder comunitário Osvaldo França, presidente da Associação dos Mutuários do conjunto Jacinta Andrade. Ela garante que as entregas das cestas não ocorreram de forma isolada e sim encaminhadas através das associações de moradores.

Leia mais: Líder comunitário denuncia Gilvana Gayoso: cestas não foram distribuídas

Confira:

A diretora da Agência de Desenvolvimento Habitacional (ADH), Gilvana Nobre Rodrigues Gayoso Freitas, vem a público esclarecer à população do Piauí, em especial os mutuários de seus residenciais, acerca da matéria intitulada “Líder comunitário denuncia Gilvana Gayoso: cestas não foram distribuídas”.

Primeiramente, ressalta-se que a atual Diretora da ADH está à frente da autarquia desde o dia 1º de janeiro de 2015 e, desde então, jamais praticou qualquer irregularidade, tampouco utilizou a estrutura da ADH para beneficiar qualquer candidato ou atender pedidos feitos por cabos eleitorais.

Em relação aos supostos fatos aventados na referida publicação, é imprescindível esclarecer que foram distribuídas cestas básicas por meio de entidades localizadas no Residencial Jacinta Andrade; não houve distribuição direta aos mutuários e o objetivo era, unicamente, minimizar os efeitos ocasionados pela crise decorrente da proliferação do novo coronavírus (Covid-19).

Ademais, é importante pontuar que os itens alimentícios que constavam nas cestas básicas distribuídas estavam dentro da validade e em perfeitas condições de armazenamento. Tanto, que a ADH não recebeu qualquer tipo reclamação quanto aos supostos fatos narrados na publicação, que aliás, são desacompanhados de provas do que foi alegado pelo denunciante.

Por fim, a ADH registra que apresentou todos os documentos e informações solicitadas pelos órgãos de controle externo, possibilitando, desta forma, o acesso irrestrito aos referidos documentos, de modo que não persista mais nenhum tipo de questionamento.

Cordialmente,

Gilvana Nobre Rodrigues Gayoso Freitas

Diretora da ADH

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.