Terça, 20 de Outubro de 2020
86994186882
Política Investigação

TRE-PI analisa pagamentos de R$ 300 a R$ 5.000 em jantar da campanha de Wellington Dias

No jantar, diversos comissionados do governo do Piauí e secretários estaduais pagaram (através de depósito bancário) mais de R$ 120 mil em um “jantar” realizado na Esplendore Festas.

01/09/2020 12h37
Por: Francisco Lima Fonte: Código do Poder
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Somente agora, quase dois anos da reeleição do governador Wellington Dias, o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí vai analisar um jantar realizado pelo Partido dos Trabalhadores para pagar despesas da campanha do governador Wellington Dias.

O evento foi realizado em 08 de novembro de 2019 e os “convidados” estavam na verdade fazendo uma “vaquinha” para pagar despesas da campanha de 2018. Mas, a lista de quem comprou o convite do jantar só chegou no TRE-PI na semana passada.

No jantar, diversos comissionados do governo do Piauí e secretários estaduais pagaram (através de depósito bancário) mais de R$ 120 mil em um “jantar” realizado na Esplendore Festas.

As doações simbólicas do jantar variavam de R$ 300 a R$ 5.000, a depender do bolso do secretário ou do apaniguado ocupante de cargo comissionado.

Mas, teve secretário de Wellington Dias que só pagou R$ 500 pelo prato. Outros mais próximos do Karnak pagaram R$ 5.000 e, até procurador do estado pagou R$ 5 mil.

A Justiça Eleitoral vai encaminhar para o setor que analisa os cálculos no TRE-PI e o Ministério Público Eleitoral também vai analisar também a renda de cada doador com o valo pago pelo jantar.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.